GUIA SUS-RIO/Zona Sul-AP 2.1

(Clique na imagem para acessar o conteúdo)

ACADEMIA CARIOCA : Pratique Saúde!

O CMS DR. ALBERT SABIN também oferece atividade física com orientação! .

Clique na imagem para acessar o livro comemorativo dos 40 anos do Programa Nacional de Imunizações.

SAÚDE BUCAL NA CRECHE!

TRIO DA SAÚDE EM AÇÃO!

DISQUE 136 E FALE COM A OUVIDORIA GERAL DO SUS.

CEMAPS

Clique e acesse CEMAPS RIO

segunda-feira, 28 de julho de 2014

VAI ACONTECER

                   
                                I SEMANA DO AUTO CUIDADO NAS ESCOLAS



         Nesta semana , de 28/07/2014 a 02.08.2014, será realizada na escolas Abelardo Chacrinha Barbosa e Andre Urani (GENTE). Serão realizadas atividades de Promoção em Saúde, abordando temas de saúde com os alunos, professores e pais.






                               A SUA PARTICIPAÇÃO É IMPORTANTE!!!!!
                                          

sexta-feira, 25 de julho de 2014

CADERNETA DA PESSOA IDOSA

VOCÊ TEM MAIS DE 60 ANOS? PEÇA AO SEU AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE, MÉDICO OU ENFERMEIRO, A SUA CADERNETA DE SAÚDE DA PESSOA IDOSA. NELA ESTARÃO INFORMAÇÕES IMPORTANTES PARA O SEU ACOMPANHAMENTO E CONDUTAS MÉDICAS!!!!










                                     

ACONTECEU...


CAPACITAÇÃO EM TRATAMENTO DE TUBERCULOSE

              Aconteceu no dia 24/07/2014 a capacitação dos nossos ACS's ministrada pela enfermeira Jussara Silva Santos, que compõe o GT de doenças transmissíveis (DAPS/ CAP 2.1).
                   O curso foi de extrema importância porque atualizou informações e esclareceu dúvidas, tendo a participação ativa de todos presentes principalmente dos novos agentes comunitários de saúde incorporados à ESF.




                                                   









LEI MARIA DA PENHA

                                     LEI Nº 11.340 DE 7 DE AGOSTO DE 2006


                 COÍBE A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER.


                                              MECANISMOS DA NOVA LEI
. Tipifica e define a violência doméstica e familiar contra a mulher;
. Estabelece as formas da violência contra a mulher como física, psicológica,sexual, patrimonial e moral;
. Determina que a violência doméstica contra a mulher independe de sua orientação sexual;
. Determina que a mulher somente poderá renunciar à denúncia perante o juiz;
. Ficam proibidas as penas pecuniárias( pagamentos de multas ou cestas básicas);
. É vedada a entrega da intimação pela mulher ao agressor;
. A mulher vítima será notificada dos atos processuais quando do ingresso e saída da prisão do agressor;
. A mulher deverá estar acompanhada de advogado ou defensor em todos os atos processuais;
. Retira dos juizados especiais criminais (lei 9.099/95) a competência para julgar os crimes acima;
. Altera o código de processo penal para possibilitar ao juiz a decretação da prisão preventiva quando houver riscos à integridade física ou psicológica da mulher;
. Altera a lei de execuções penais para permitir que o juiz determine o comparecimento obrigatório do agressor a programas de recuperação e reeducação;
. Determina a criação de juizados especiais de violência doméstica e familiar contra a mulher com competência cível e criminal para abranger as questões de família decorrentes da violência contra a mulher;
. Caso a violência doméstica seja cometida contra mulher com deficiência, a pena será aumentada em 1/3.







                           LIGUE 180 - CENTRAL DE ATENDIMENTO À MULHER.